CONCELHO DE VILA NOVA DA BARQUINHA     (Página 2 de duas) /      

HOME

 Vila Nova da Barquinha
 Concelho P1
 Concelho P2   «---
 Freguesias e Lugares
 (Vila) Barquinha P1
 (Vila) Barquinha P2
 (Vila) Barquinha P3
 Atalaia P1
 Atalaia P2
 Moita do Norte P1
 Moita do Norte P2
 Moita do Norte P3
 Tancos
 Praia do Ribatejo
 Castelo Almourol
 Madeiras e Limeiras


Como a Vila Nova da Barquinha se tornou um Concelho

De acordo com a divisão administrativa do País publicada em decreto de 18 de Julho de 1835 o distrito de Santarém era constituído por 44 concelhos entre os quais os de Atalaia, Paio de Pelle (P. do Ribatejo) e Tancos.

A Barquinha (Vila) teve, segundo alguns historiadores, a sua origem num pequeno lugar a nascente da actual Vila, denominado Barca, pertencendo ao, então, Concelho da Atalaia.

Em 6 de Novembro de 1836, por decreto assinado por Dona Maria II, dá-se uma reestruturação distrital e os 44 concelhos são convertidos em 22, e é criado o Concelho da Barquinha à custa dos antigos concelhos de Atalaia, Paio de Pele e Tancos , os quais passaram a freguesias do novo Concelho da Barquinha.

Apesar de criado o Concelho da Barquinha, esta localidade só em 26 de Junho de 1839 foi elevada à categoria de Vila, ou seja, a Barquinha foi Vila depois de ser Concelho.

Em 21 de Novembro de 1895 o Concelho da Barquinha foi suprimido e anexado ao Concelho da Golegã mas, finalmente, por decreto de 13 de Janeiro de 1898, foi restaurado o Concelho da Barquinha por desanexação do concelho da Golegã.

A história dos Brasões da V. N. da Barquinha

 

Em 27 de Junho de 1839 foi-lhe concedido o primeiro Brasão de Armas, posteriormente alterado em 1951, como se transcreve a seguir de dados obtidos do Centro Cultural de V. N. da Barquinha.

A constituição heráldica do novo brasão (armas, selo e bandeira) do Concelho de Vila Nova da Barquinha foi promulgada no artigo 14ª do Código e assinado, a 28 de Março de 1951, pelo então Ministro do Interior Joaquim Trigo de Negreiros, nos seguintes termos: 

Armas : De Azul com uma bateira de negro realçada, mastreada e encordoada de ouro, vestida de prata com flâmula de vermelho, vogando em duas faixas onduladas de prata. A bateira  frutada de negro e de duas vasilhas de tanoa de prata cintadas de negro.
Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco com os dizeres «Vila Nova da Barquinha» de negro.

Selo Circular, tendo ao centro as peças das armas sem indicação dos esmaltes. Em volta, dentro de círculos concêntricos, os dizeres «Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha».*


O primeiro brasão
(De um tapete)
 


(Actual)

.
Breves factos históricos e geográficos.

O terreno deste concelho  é pouco acidentado, excepto na zona entre a Barquinha e Tancos e nas margens do Tejo na Praia do Ribatejo.

O rio Tejo, um dos mais importantes rios que atravessa Portugal, definiu a actividade económica e social deste concelho por muitas  centenas de anos, sendo um elo de ligação entre o Norte e o Sul e entre o litoral e o interior.
A chegada do Caminho de Ferro inicialmente contribuiu para o declínio da região, mas  nos últimos tempos contribuiu para a sua notável  recuperação.

Existem  vestígios arqueológicos pré- históricos. Por exemplo, da época Paleolítica na Aldeinha, perto da Moita, e  Neolítica na Atalaia (Quinta do Serrado) e em Tancos. Foi ocupada por vários povos, dos Iberos, Gregos, Romanos, etc, aos Mouros.
Nas lutas contra os mouros, a zona concelhia foi de grande importância estratégica, tendo-se criado várias linhas de vigia e fortificações, todas elas agora desaparecidas, com excepção do Castelo de Almourol.
Como parte de Portugal, esteve 60 anos sob domínio  de Espanha e sofreu com as invasões Francesas.

O balão de ar quente, deste Concelho, iniciando uma viagem turística.

 

Comunicação social:
Há um jornal regional mensal, o "NOVO ALMOUROL", uma publicação semestral, "Barquinhaviva", um site oficial na Internet e um jornal electrónico. Ver "LINKS "

ALOJAMENTO (além de parques de campismo):

Soltejo:
Café, restaurante e alojamento, com bomba de gasolina e vista panorâmica para o Tejo.
(Foto na página de Freguesia da Barquinha)
E.N.Nº3, Barquinha (Vila), Tel: 249-710231

Casa Do Patriarca: Alojamento tipo Hotel de Turismo Rural: 
Rua Patriarca D. José 134, (Foto na página de Atalaia)
Tel: 249 710 581

.
RESTAURANTES
Quinta do Lagarito (Barq. 249-71095) - Soltejo (Barq. 249-710231) -  A Palmeira(Barq.249-711513) O Almourol (Tanc.249-710432) - Bar Rústico / Restaurante
O Recanto da Barquinha (Barq.249-711733) - Chico (P.Rib. 249-93224) - Ramos (P.Rib.249-93257) 
Típico Regional (Atal.249-710691)  -  Quinta da Ponte da Pedra (Atal. 249 -.....   )
 ... e muitos outros.

GASTRONOMIA, em  alturas festivas.  
Caldeiradas, Sopa de Peixe do Rio, os Barbos de Molhata, a Fataça na Telha, a Açorda de Sável, as Enguias à Pescadora, o Arroz de Lampreia, o Cabrito Frito de Praia de Ribatejo, etc, etc

FESTAS, FEIRAS, LAZER:
Maio a Junho: Teatro
Fins de Fevereiro, Março até Abril:  " Mês do Sável e da Lampreia ".
Maio a Outubro, aos Sábados e Domingos, folclore ribatejano na Quinta do Lagarito.
Em meados de Junho, a Grande feira de Vila da Barquinha ( feriado municipal a 13). Uma semana  rica em eventos variados: Tasquinhas, Exposições de Artesanato Regional, Música, Folclore, Desporto, Tauromaquia, procissão de Stº António (o patrono da Vila),etc. Ver... para crer e querer!
Agosto em Tancos, incluindo o seu feriado do dia 15, similar eventos aos da Vila da Barquinha e  a procissão de S. Marcos ou de N.ª Senhora da Piedade entre Tancos e o Arripiado através do rio Tejo.


Vista panorâmica:
 O interior da praça de touros, e o Entroncamento, ao fundo.


A reconstruída "Ponte da Pedra" ligando a Barquinha ao Entroncamento e à Golegã.
A original, datando do tempo dos Romanos, era feita de blocos de pedra, daí o seu nome.
O ribeiro que sob ela passa de um lado chama-se Ribeira da Atalaia e, do outro,
Ribeira da Quinta da Cardiga


Cruzamento à saída da ponte, com o antigo posto da Guarda Fiscal, já na zona do Entroncamento.
Voltando à esquerda vai-se para a zona sul do Entroncamento, Hospital,  Estação de C. Ferro, Golegã, etc.
Voltando à direita segue-se para a zona norte do Entroncamento e Bonito, Torres Novas, etc
Nota: Em Setembro de 2005 o posto da Guarda Fiscal foi deitado a baixo e, neste cruzamento,
foi construída uma rotunda.


E a placa dando a data da sua reconstrução

Código Postal da área: 2260 ao qual é conveniente juntar o código da rua.
Números de telefone:
(O indicativo desta área é 249)

Bombeiros da Barquinha  249 710 629
G.N.R, Est. Nac.3 :249 710 274
Roturas de água ( Emergência ) : 96-6180545  

Farmácia  Carvalho, Praia do Ribatejo: 249 933 328
Farmácia Oliveira, Barquinha: 249 710 493
Farmácia Tente, Atalaia: 249 710 695

Centro de Saúde, Barquinha: 249 710 548 ou 249 710921
Extensão de Praia do Ribatejo: 249 733 666
Extensão das Limeiras: : 249 733 885
Posto Médico da Atalaia: :249 710 547
Misericórdia de Lisboa e Lar dos Idosos, da Barquinha : 249 710 469
Segurança Social  249 710 450

Esc. Secundária D. Maria II: 249 720 220 *** FAX: 249 720 227
Esc. C+S Praia do Ribatejo: 249 733 048
Delegação Escolar: 249 710 139

Escolas do 1ª ciclo 
Atalaia: 249 711 777
Cardal: 249 711 811
Limeiras: 249 733 091
Moita do Norte: 249 711 800
Praia do Ribatejo: 249 733 092
Tancos: 249 711 754
V.N.Barquinha: 249 710 519

Centro Cultural da Barquinha  249 720 358 ( Fax 720 368 )   

Correios:
V.N.Barquinha: 249 710 271
Atalaia: 249 710 619
P. do Ribatejo: 249 733 112

Juntas de freguesia:
Atalaia: 249 710619, Moita do Norte: 249 812099, Praia do Ribatejo: 249 733940
Tancos: 249 712094, Vila Nova da Barquinha: 249 710705

.

O Dr. Jorge Sampaio, na altura Presidente da República,
escutando o Presidente da Câmara, Dr. Vitor Pombeiro,
durante a sua visita oficial a este concelho. (05/07/2001).

 
Câmara Municipal da Barquinha
 
Geral: 249 720350 -- Fax: 249 720368 
Serviços: Técnicos: 249 720352 -- Água: 249 720357 -- Oficinas: 249 720366

Correio Electrónico

Câmara Municipal, genérico:   geral@cm-vnbarquinha.ptal@cm-vnbarquinha.pt
Presidente da Câmara:           presidente@cm-vnbarquinha.pt
Vereador da Cultura:               ver.cultura@cm-barquinha.pt
Vereador das Obras:              ver.obras@cm-barquinha.pt
Gab.Inf. Rel. Públicas:           girp@cm-barquinha.pt
Assembleia Municipal:           am@cm-barquinha.pt

Site na internet:                     www.cm-vnbarquinha.pt
 

Dr. Vítor Miguel Pombeiro, Presidente  da Câmara Municipal.

Topo e Menu
Act. 0706061844 - Fim da página 2, de duas,  sobre o Concelho